segunda-feira, 22 de julho de 2013

Habemus Papam no Brasil!

Teologia
por Austri junior 

O Papa Francisco I já está no Brasil desde as 15:40 da tarde de hoje e encantou e emocionou as gentes que estiveram próximo. Carismático, carinhoso e muito paciente, conversou com os reportes a bordo da aeronave que o trouxe, desfilou com a s janelas do carro abertas, ficou literalmente encurralado no meio do povo - aliás, era exatamente o que ele queria: Ficar no meio do seu povo. Depois adentrou ao papa móvel (sem blindagem), tocou o seu povo e foi tocado, abençoou as crianças, e emocionou pela sabedoria seu discurso. Um discurso, cheio de sabedoria, de amor, de bondade...

Apesar de estar em uma recepção e cerimônia dedicada ao estadista, ele falou como Papa. Falou como homem de Deus! Falou  com a simplicidade de um Cristão "cristificado". Fugiu às amarras políticas, falou ao coração dos seus ouvintes e um excelente português (não falou em portunhol), brincou com a língua portuguesa demonstrando alegria, disposição e jovialidade ao dizer: "Cristo 'bota fé' nos jovens... Os jovens 'botam fé' em Cristo!"

Jorge Bergoglio esbanjou simpatia e bom humor durante todo o tempo, e isso foi só o começou. Veremos e receberemos muito mais durante o decorrer da semana. 

Carinhosamente  Francisco disse que o caminho para encontrar-se com o povo brasileiro é pelo portal do coração, e pediu carinhosamente licença para bater no coração dos brasileiros, coisa de gente educada. Para quem estava ligado, ele estava fazendo uma analogia com as palavras de Cristo em Apocalipse 3.20.   Entretanto a parte do discurso do Papa Francisco I que mais me encantou foi:   "Não tenho ouro nem prata, mas trago o que mais precioso me foi dado: Jesus Cristo!" Fazendo outra analogia bíblica, dessa vez com as palavras de Pedro em Atos (dos Apóstolos). Preciso dizer mais alguma coisa? Tudo que posso dizer para poetizar esse pequeno texto é que se a Hebe Camargo estivesse viva, ela com certeza diria: "O Papa Francisco é uma gracinha!!! "

Nenhum comentário: